O que o Dr. Rey entende de café?

Um vídeo publicado por Dr. Rey, cirurgião plástico e apresentador, levantou algumas questões sobre os malefícios do café. O vídeo tem cerca de 170.000 visualizações no Youtube e faz duras críticas, sem base científica, sobre o café.

Leia também: Café Forte, desconstruindo um mito.

Nós do Buenavista Café, como difusores de informações sobre o universo do café, não poderíamos ficar de fora dessa polêmica. Analisamos cada trecho do vídeo e rebatemos cada afirmação absurda com base em estudos recentes sobre o assunto.

Dr. Rey: Brasil já foi um dos maiores produtores de café do mundo, hoje não.

O desconhecimento sobre o assunto é evidente já na primeira frase. O Brasil é o maior produtor de café do mundo e no último ano produziu 55 milhões de sacas. Seguido de Vietnã, que produziu 22,5 milhões de sacas, e da Colômbia, com 14,5 milhões de sacas.

Produção Total 2016. Por 1.000 sacas de 60Kg. Fonte: Organização Internacional do café
Produção total 2016. Por 1.000 sacas de 60Kg. Fonte: Organização Internacional do café

 

Dr. Rey: Café é um total veneno.

O café é um produto composto por dezenas de substâncias distintas, entre elas a cafeína (1% a 2,5%), niacina, ácidos clorogênicos, aminoácidos, sais minerais, açucares e lipídios.

A cafeína é uma substância estimulante, e que em grandes quantidades pode até ser letal. Cerca de 10g de cafeína pura, em pó, representaria uma dose letal. Uma xícara de café pode conter entre 40 a 140mg de cafeína, o que torna o consumo seguro, mesmo em grandes quantidades.

Algumas pessoas podem ter sensibilidade à alguns desses compostos, e ter seu consumo restringido, mas a afirmação de que café é um total veneno é irresponsável e sem bases científicas.

Muitos estudos científicos, publicados por renomadas instituições de ensino pelo mundo, tem indicado que o consumo de café pode trazer diversos benefícios à saúde, como redução do risco de diabetes mellitus tipo 2, hipertensão, doenças coronarianas, Parkinson, Alzheimer, redução na recorrência de câncer de cólon, aumentando as chances de cura, de acordo com o Centro para o Câncer Dana-Farber de Boston e também redução dos riscos de câncer de próstata, segundo a Escola de Saúde Pública de Harvard, nos Estados Unidos, a redução nos riscos poderia chegar à 60%.

Algumas publicações:

Dr. Rey: É utilizado no beneficiamento de café o mesmo produto químico do  Zyklon-B, utilizado nos campos de concentração nazista.

Um dos compostos do Zyklon-B é o cianeto de hidrogênio. Este composto era utilizado no controle de pragas via fumigação, mas teve seu uso controlado no Brasil e não é mais utilizado para este fim.

A agroindústria evoluiu, e hoje temos insumos seguros para a utilização em alimentos.

Dr. Rey: Café bloqueia a absorção de vitamina B, D e Cálcio.

Em um estudo colaborativo entre a Universidade Creighton, em Nebraska e a Universidade de Miami, na Flórida, pesquisadores demonstraram que a cafeína pode interferir na absorção de vitamina D. Os resultados, publicados no “Journal of Steroid Biochemistry and Molecular Biology”, demonstraram que quanto maior o nível de cafeína, menos a absorção de vitamina D. O estudo sugeriu que a cafeína atuou na redução de receptores de vitamina D em osteoblastos no organismo, células responsáveis pela produção de osso.

A cafeína também pode interferir com a absorção de cálcio. Um estudo publicado na revista “Osteoporosis International” mostrou que apenas uma xícara de café pode reduzir, ligeiramente, a absorção de cálcio no corpo e aumentar a sua perda através da urina, devido ao seu efeito diurético. Além disso, a perda óssea tem sido demonstrado em pessoas com baixo teor de cálcio ou baixa ingestão total de cálcio que bebem 2 ou mais xícaras de café por dia, de acordo com um estudo de 205 mulheres pós-menopáusicas publicado no “American Journal of Clinical Nutrition”.

No entanto, em pessoas saudáveis, os efeitos negativos da cafeína sobre a absorção de vitaminas e minerais são insignificantes.

Ao associar a deficiência crônica de vitamina D na população brasileira ao consumo de café, novamente, Dr. Rey comete uma irresponsabilidade sem precedentes, ainda mais no papel de médico.

Dr. Rey: Café te deixa nervoso, triste, irritado…

Em pesquisa publicada na edição de março de 2016 do “Australian and New Zealand Journal of Psychiatry”, indica diminuição dos riscos de depressão associada ao consumo de café. Outro estudo, publicado no “US National Library of Medicine National Institutes of Health”, chegou-se à mesma conclusão.

Conclusão

A ciência ainda carece de estudos sobre o assunto, pois o café é uma bebida altamente complexa e ainda não totalmente estudada pela medicina. As afirmações feitas no vídeo, em tom de deboche, são irresponsáveis, sem referências e demonstra total falta de conhecimento sobre as pesquisas recentes.

A direção indicada por estas pesquisas, vai na contra mãos das mencionadas no vídeo. Consumido com moderação, os benefícios para a saúde são bem mais amplos que os eventuais riscos.

Alguns cuidados devem ser tomados para que estes benefícios aconteçam. Consumir cafés de qualidade é fundamental.

Mineiros bebem café impróprio para consumo

Nós do Buenavista Café podemos afirmar uma coisa, não conhecemos pessoas apaixonadas por café que sejam mal humoradas ou infelizes!

58 comentários em “O que o Dr. Rey entende de café?”

  1. Pingback: psiholog
  2. Pingback: Suicide Squad 2
  3. Pingback: yesmail.ru
  4. Pingback: psychophysics.ru
  5. Pingback: kremlin-team.ru
  6. Pingback: medunitsa.ru
  7. Pingback: KremlinTeam
  8. Pingback: link
  9. Pingback: A3ixW7AS
  10. Pingback: ukraine
  11. Pingback: vechernyy urgant
  12. Pingback: Porno
  13. Pingback: 66181
  14. Pingback: chernaya vodova
  15. Pingback: blogery_i_dorogi
  16. Pingback: bender na4alo 2021
  17. Pingback: podolsk-region.ru
  18. Pingback: chelovek-iz-90-h
  19. Pingback: site
  20. Pingback: Ukrainskie-serialy
  21. Pingback: video
  22. Pingback: topvideos
  23. Pingback: kinoteatrzarya.ru
  24. Pingback: psy2022
  25. Pingback: psy
  26. Pingback: safe buy
  27. Pingback: 4569987
  28. Pingback: Zakhar Berkut hd
  29. Pois é, o meu pai também consumiu a vida inteira e hoje tem Parkinson. Mas também acho que o café não é tão vilão assim. Eu já tentei parar de consumir o café, mas não consegui. Então eu procuro comprar café orgânico. Eu consumo de manhã , e durante o dia se eu tiver vontade procuro consumir 2 horas antes ou 2 horas após as refeições.

  30. multi ferramentas de marketing digital
    trabalhe com email marketing,sms,whatsapp
    marketing,facebook marketing,twitter marketing,sistemas
    visitas para seu site, promover sites marketing, youtube
    marketing,Linkedin Marketing,Instagram Marketing
    publicidades sem barreiras marketing digital aqui acesse!!
    otima oportunidade de negócios não percam !!
    Site : https://bit.ly/3kymIxR
    Contato Receber Material
    Telegram: MktMidia
    Skype: MktMidia
    alcance seu publico negocios marketing de sucesso

  31. Pingback: droga5.net
  32. Pingback: cialis usa
  33. Pingback: buy cialis
  34. Pingback: albuterol inhaler
  35. Pingback: ciproxin 500 mg
  36. A minha mãe sempre foi uma excelente consumidora de café . Hj , está com Alsheimer .
    Mentira deslavada qdo dizem que café previne essa doença . Pura mentira! Ainda mais esses cafés vendidos no Brasil!
    Tem mais . Faço checkups duas vezes por ano e sempre suplemento vitamina B12 e D. No penúltimo eu tomava café diariamente qdo resolvi fazer uma experiência. Continuei com os mesmo suplementos, mesma quantidade mas cortei o café da minha vida até fazer meus novos exames. Resultado ? Níveis muito mais altos de ambas as vitaminas no meu organismo.
    O Dr. Ray parece meio maluquinho mas está coberto de razão.

  37. Já tinha ouvido outro médico (Dayan Siebra, em seu canal no YouTube) falando que o café impede a absorção de vitamina B, que inclusive interfere no funcionamento do nosso sistema nervoso (B12), e cuja falta pode agravar processos de depressão e Alzheimer, p. ex.

    Amo café e considerei a opinião desse médico para reduzir o seu consumo (o qual, no meu caso, era alto).

    A matéria deste site diz que o Dr. Rey apresenta o mesmo dado sobre a vitamina B, mas na ‘resposta’ que publicaram aqui, nada foi dito a respeito.

    Melhor ficar mesmo com o que dizem esses médicos.

  38. Ele é Mórmon e só está replicando o que sua religião diz. Não se baseia em estudos(sem viés religioso). Eu particularmente tomo café, mas sei que seria melhor sem, também sem açúcar(tipo nunca), doce, produtos alimentícios, etc. Faço dieta carnivora.

  39. Tenho 53 anos e já vi muitos artigos científicos desbancarem outros mais antigos, ou seja, a própria ciência é incerta. Claro q temos q nos basaearmos em estudos mas não devemos esquecer a natureza humana é como ela se comporta. Duvido de médicos fora de forma e profissionais q seu discurso não co diz como seu modo de vida. Preso muito pelas palavras de quem vive bem e saudável. Nem tudo que dizem está certo mas a maior parte sim. Escutar os mais vividos com atenção , ler artigos científicos e tirar nossas conclusões é fundamental. Concordo com o Dr. REY.

  40. Se nós pegar tudo que tem substâncias químicas no meio nos humanos do século 21 não vamos ingerir mais nada quer exemplo as verduras que nos comemos cheia de agrotóxicos ,leite de caixinha é adicionado soda cáustica e acetona refrigerante nem vou falar que todos já sabemos que é veneno então amigos faça que nem eu sou consumidor do café gosto muito todo veneno tem um antídoto meu antídoto é ingerir alimentos mais naturais possíveis e alimentos que tem a função de ajudar o fígado a desentoxicar dos venenos que consumimos

  41. Eu tomo 5000UI DE VIT D3 por dia. Como laticínios o dia inteiro. Duvido que o café impeça a absorção de cálcio e vitamina D. As pessoas fogem do leite, do queijo, depois põem a culpa no café.

  42. Outro ponto absurdamente contraditório deste dr Rey é que no inicio ele repete varias vezes que a cafeina é “bom” e o café é ruim, mas no final ele passa a receita que pra ter mais saúde precisamos apoiar as empresas de cafe descafeinado tomando cafe mas nao cafeina, ué ? Mas como ele disse no inicio, a cafeina nao é “bom” ?

  43. Informe Técnico n. 68, de 3 de setembro de 2015, ANVISA.

    A Agencia Nacional de Vigilância Sanitária usa como argumento para a utilização de corantes que contenham o 4-metil-imidazol (composto sabidamente cancerígeno presente nos refrigerantes de cola e café) o fato desta substancia ser formada no processamento e/ou cocção de alimentos. Por exemplo, ela cita o seguinte em seu informe técnico número 48: “Cabe ressaltar que os níveis de 4-metilimidazol encontrados pelos autores em cafés são maiores que aqueles obtidos para refrigerantes de cola. Apesar de os cafés não serem adicionados de corantes caramelos, o 4-metilimidazol é formado durante o processamento térmico dos grãos, bem como em outros alimentos submetidos a aquecimento, inclusive no preparo caseiro”. Ora, se uma substancia prejudicial para a saúde já é encontrada naturalmente em alimentos tradicionais de uma população, o mais prudente é que não seja adicionada em nenhum outro alimento.(4)

    De um jeito ou de outro o Dr. Ray está certo.

    1. Nao é só assim não, só porque tem um nível de substância em produto não implica em danos à saúde, por isso precisa de pesquisa para provar se o que tá lá faz mal e em qual quantidade… Até beber água demais pode destruir celulas do cérebro, tem que saber a quantidade em quanto de café e etc. Só essa subjetividade já perde credito

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *