Ecossistema de Cafés

Desenvolvemos um Ecossistema de Cafés para facilitar sua escolha baseado nas características de cada um. Cada selo representa uma importante característica do café, seja sua qualidade, métodos de produção, origem ou terroir.

A identificação das características é feita da base para o topo, começando pela qualidade dos grãos até as características únicas de solo e clima. Cada característica é melhor explicada abaixo:

Qualidade

Espécie de café reconhecida pelo alto potencial de qualidade. São mais complexos e doces que os Robustas e apresentam menor amargor por conter a metade de cafeína.

Utilizamos o protocolo da Specialty Coffee Associate para avaliar a qualidade de um café. Os cafés especiais ficam sempre acima dos 80 pontos. Os nossos são sempre acima de 84.

Produção

No processamento Natural, os frutos do café são secos inteiros resultando em cafés com doçura elevada. É o método mais utilizado no Brasil.

No processamento Cereja Descascado, os grãos passam por equipamentos que removem a casca e parte da polpa. Apresentam maior equilíbrio entre doçura acidez e corpo.

Cafés Honey Process são secos sem a casca mas com sua polpa doce preservada, resultando em cafés muito doces, corpo denso e alta acidez.

A fermentação induzida é feita com o café recém colhido, em ambiente fechado e com a presença de micro-organismos que consomem açucares e liberam álcool e CO2. Resultam em cafés exóticos.

Origem

Cafés Single Origin, ou origem única, são produzidos com apenas uma variedade do mesmo lote, originários da mesma fazenda e muitas vezes do mesmo talhão.

Blend é a composição de duas ou mais variedades ou lotes de origens distintas. A proporção da mistura é sempre feita tendo como base a sinergia dos diferentes perfis sensoriais.

Terroir

Cafés de Alta Montanha são aqueles produzidos acima de 1.200m. O micro clima mais ameno das altitudes proporcionam maturação mais lenta, desenvolvendo um perfil sensorial mais complexo.

Os cafés vulcânicos são colhidos na antiga caldeira de um vulcão extinto há 80 milhões de anos. Suas erupções conferiram ao solo uma composição rara de minerais e um terroir único no país.

Cafés Orgânicos são produzidos sem o uso de produtos químicos, como fertilizantes sintéticos, pesticidas ou conservantes, com o objetivo de manter o equilíbrio ambiental e conservar a natureza.

Cafés de Micro Lotes são colhidos em pequenas quantidades em áreas da fazenda reconhecidas por produzir cafés de características únicas como maturação ideal, concentração de açucares e complexidade sensorial.

Posso te ajudar?