truvia_fr_cappuccino_top

Cappuccino, estamos fazendo isso errado!

Existe uma grande diferença entre o que o brasileiro entende ser um cappuccino e o que a tradição desta bebida de fato corresponde.

Analisando os ingredientes entre as duas versões, é possível constatar que há algo de estranho na nossa versão:

Ingredientes do Cappuccino brasileiro:

Açúcar, leite em pó integral, café solúvel, leite em pó desnatado, estabilizante bicarbonato de sódio, cacau em pó, espessante carboximetilcelulose, antiumectante fosfato tricálcico e canela em pó.

Ingredientes da receita original:

1/3 de café espresso, 1/3 de leite e 1/3 de espuma de leite;

Cappuccino em sua receita original
Cappuccino em sua receita original

A palavra Cappuccino tem origem no termo em latim Caputium, é o diminutivo de cappuccio, em italiano, que significa pequeno capuz. Segundo as histórias, o nome da bebida se relaciona à cor marrom dos hábitos dos monges da ordem capuchin, inspirados nas vestimentas preservadas de São Francisco de Assis, que datam do século XIII.

Túnica de São Francisco de Assis preservada na igreja St.Francis em Cortona, Itália (1155-1225).
Túnica de São Francisco de Assis preservada na igreja St.Francis em Cortona, Itália (1155-1225).

Tradição x Oportunismo

A nossa versão industrializada do cappuccino em nada lembra a simplicidade da receita original, na verdade, a indústria de alimentos se aproveitou, indevidamente, do seu nome de grande tradição para lançar seu “preparado à base de café solúvel”, sempre com muito açúcar.

As tradições existem para serem preservadas, mas também podem ser o ponto de partida para inovações. Não são regras, e podem ser adaptadas para que possamos ter novas experiências. Mas respeitar uma tradição é respeitar seus precursores,  e uma forma de agradecimento por seus momentos de criatividade que tornaram nossas vidas melhores.

Variações do cappucino podem levar canela e chocolate em pó, polvilhados sobre a receita tradicional. O Latte e o Macchiato são receitas similares, que levam também o espresso e o leite vaporizado.

Cappuccino em casa, como fazer?

A receita tradicional é feita em máquinas de espresso, onde é possível fazer o leite vaporizado, além do próprio espresso. Algumas máquinas de espresso para casa também possuem a função de vaporização de leite. Mas se não temos uma máquina dessas, ainda é possível preparar uma bebida muito próxima do cappuccino.

O mais importante é respeitar as proporções de 1/3 de café, 1/3 de leite e 1/3 de espuma. Para o café, podemos preparar um coado mais intenso, ou na moka (cafeterira italiana). Já com o leite, o processo é um pouco mais complicado, mas ainda assim possível fazer.

Existem no mercado cremeiras próprias para essa função, também é possível criar a espuma com um pequeno mixer. Se você já tiver em casa uma cafeteira francesa, ou Frenchpress, é possível utilizá-la como uma cremeira. Abaixo um vídeo com maneiras diferentes de criar espuma com o leite em casa. O leite integral oferece os melhores resultados por conter porcentagem maior de gordura.

Gosto é questão pessoal

Entendemos que gosto é muito pessoal. Temos como objetivo, apenas tentar desmistificar alguns conceitos que nos são informados de forma errônea. A cultura do café é milenar e precisa ser preservada.

Esperamos que  seu próximo cappuccino seja repleto de sabores e histórias!

[Por: Ronaldo Muinhos, Diretor e especialista em café do Buenavista Café]

36 ideias sobre “Cappuccino, estamos fazendo isso errado!”

  1. Pingback: site
  2. Pingback: Ukrainskie-serialy
  3. Pingback: video
  4. Pingback: topvideos
  5. Pingback: kinoteatrzarya.ru
  6. Pingback: projectio-freid
  7. Pingback: news news news
  8. Pingback: 4569987
  9. Pingback: Zakhar Berkut hd
  10. Pingback: paxil weight loss
  11. Pingback: goodrx metformin
  12. Pingback: buy ivermectin uk
  13. Pingback: best ed medication
  14. Pingback: cialis 20mg

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *